O MOÇO QUE CONTAVA HISTÓRIAS Inspirado na literatura de Luis Sepúlveda

Monólogo selecionado para festival em Florianópolis

Peça teatral que tivemos a oportunidade de apreciar juntamente com o curso de Jornalismo da UNIPLAC/Lages ainda este mês. Já começa a circular por Santa Catarina. Destaque para a produção do espetáculo e a atuação do ator Marcos Cordioli.

O teatro tem grande tradição na cidade de Lages, tendo revelado vários grupos e atores que fizeram história nas artes cênicas, e este espetáculo demostra que as produções locais continuam e se reinventam para alcançar o público.

Sinopse: Um moço, num espaço vazio e completamente escuro, aguarda a chegada de pessoas para vê-lo.Tendo os espectadores dispostos em sua volta, dá início aos trabalhos e começa a dividir as únicas coisas que possui: histórias e cantigas deixadas por sua mãe.São verdadeiras fábulas. Mas diferente daquelas tradicionais, suas histórias retratam o antagonismo e as relações humanas presentes na sociedade moderna. Ao compartilhar aquilo que sabe, vai constituindo sua identidade, compreendendo seu lugar no mundo e, finalmente, transcendendo seu entendimento do ambiente que o rodeia.

Ficha Técnica

Fotos – Cersar de La Plata

Assessoria de imprensa – Catarinas Comunicação

Produção – Matakiterani Associação Cultural

Adaptação literária – Adilson Freitas

Atuação e texto – Marcos Cordioli

Direção- Gilson Maximo

Figurino e trilha sonora- O grupo

#TeatroLageano #Matakiterani #oMocoQueContavaHistorias #Sepulveda #rosadosventos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s