O Coração do Parque na Festa do Pinhão.

Arena, Palco Nativista ou Palco 1 é ali sem dúvida onde se reúnem os tradicionalistas.

Ali onde nasceu e permanece o maior festival de música da atualidade, a Sapecada.

Nascedouro de grandes clássicos. Onde artistas se revelaram e outros se consagraram.

Onde músicos já tremeram a perna, cantaram para muita gente ou cantaram para poucos.

Ali onde o canto é regional, nativista e tradicionalista.

Onde se baila como antigamente, ou pelo menos se tenta bailar.

Onde entre um trago e outro, um mate e uma prosa, reencontramos os amigos, nos abraçamos.

Onde temos o Cabeça servindo um pinhão, onde ouvimos a voz de trovão do Toninho e somos registrados pelo Arizão.

Onde bombeiam as prendas, se atam os namoros, noivados, casamentos e até acontecem separações.

Onde já foi lona de circo e hoje é um imenso galpão.

Onde poderia ser o espaço único dos principais show’s gauchescos da festa, pois este é o lugar de tradição, lugar dos campeiros, dos serranos.

Agregaria mais as pessoas, aqueceria mais os corações e onde os mais experientes, jovens e crianças teriam mais guarida do frio que encanta, mas também encaranga.

Onde retornando as origens se valorizaria ainda mais o palco que é um templo da cultura regional da festa. O coração do parque da Festa do Pinhão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s