“A primeira impressão é a que fica” – Principais monumentos de Lages precisam ser restaurados

Principais pontos turísticos do perímetro urbano de Lages na Serra Catarinense precisam de restauração, projetos foram encaminhados, mas falta investimento público e privado.

Os principais monumentos da cidade de Lages/SC precisam de intervenção urgente pois encontram-se em estado crítico de conservação. Os problemas são muitos: rachaduras, trincas, pintura descascada, ausência de peças, placas com informações danificadas e desatualizadas e iluminação direta queimada.

Avarias presentes há tantos anos que muitas vezes não são percebidas pela população local. Em contraponto, como são pontos turísticos e referências de localização, esta má condição de preservação está sendo observada diariamente pelos turistas principalmente na temporada de inverno.

As administrações municipais têm mantido o paisagismo – como jardinagem e calçadas – porém não investiram na manutenção especializada, o que pode ocasionar desde o dano permanente a este patrimônio público, até acidentes mais graves com as pessoas que interagem com as instalações para por exemplo fotografar sua visita.

José Cristóvão Batista, que é residente na cidade, foi o responsável pela concepção, construção e instalação dos sete monumentos: Boi de Botas – 2002, Os Imigrantes – 2002, Trançador – 2002, O Tropeiro – 2005, Bíblia – 2005, Carro de Molas – 2006 e As Lavadeiras – 2008.

Segundo Batista todos estes anos, nenhuma manutenção foi executada por ele. Sendo que é uma constante nas outras obras instaladas em outros municípios pelo menos a cada dois anos. Como exemplo cita a escultura do Ginete em Vacaria/RS que passa sempre por reparos antes da realização de cada Rodeio Internacional.

O artista aplica suas técnicas e materiais, fruto de sua experiência com a construção de mais de 90 obras. “O que aconteceu foram intervenções com tintas e materiais inadequados que contribuíram para o agravamento da situação das estruturas”, ressalta o artista plástico.

Muitos danos também são resultado de vandalismo. O artista tem esta percepção e também pretende desenvolver projetos de sensibilização com a comunidade. Entende que as pessoas podem contribuir muito para a proteção dos locais e das próprias esculturas.

Na elaboração das proposições o artista tem a parceria da Griffe Ateliê e da Vozes da Serra – Cultura Regional empresas da área que principalmente levaram em conta que serviços sejam executados pelo próprio artista JC Batista, que pode assim transmitir para sua equipe o conhecimento para futuras manutenções periódicas que são extremamente necessárias.

As propostas e orçamentos vem sendo encaminhados desde 2015 para a Diretoria de Turismo e Fundação Cultural de Lages, a SOL – Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, CONSERRA (Conselho de Turismo da Serra Catarinense) e algumas empresas privadas locais. Até o momento nenhum retorno concreto de incentivo e investimento foram sinalizados para a restauração.

A concepção do artista sempre foi planejada, com o objetivo de valorizar aspectos culturais e fomentar o turismo. O desenvolvimento de ações como roteiros urbanos, visitas escolares, recepção de turistas passa necessariamente pela restauração deste patrimônio material e imaterial de Lages.

É preciso que toda a sociedade passe a apoiar esta iniciativa já que os monumentos são o grande cartão de visita da cidade e nada é tão certo quanto o ditado “A primeira impressão é a que fica”.

Texto e fotos: Éder Goulart

#SerraCatarinense #BatistaEscultor #RestauracaoJa #MonumentosDeLages #PatrimonioCulturalDeLages #TurismoCultural #JCBatista #GriffeAtelie #EderGoulart

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s