Secretaria da Cultura do Rio Grande do Sul aciona setor sobre edital para projetos que resultem em conteúdos digitais

A secretária da Cultura, Beatriz Araujo, encaminhou, na última quinta-feira (26/3), mensagem aos coordenadores dos Colegiados Setoriais de Cultura, Conselho Estadual de Cultura (CEC) e Conselho dos Dirigentes Municipais de Cultura (Codic) e ao Comitê Gestor da Política Cultura Viva solicitando que apresentem considerações sobre a minuta do edital de credenciamento para projetos culturais que resultem em conteúdos digitais.

O edital, que totaliza o valor de R$ 3 milhões, será lançado em abril com o objetivo de fomentar a cadeia produtiva na área da cultura, gravemente impactada devido à pandemia da Covid-19.

Beatriz Araujo salientou que os colaboradores da Secretaria da Cultura (Sedac) estão trabalhando incansavelmente com o desafio de “encontrar novas formas para que tenhamos ações exequíveis, tempestivas e coerentes com o momento que estamos passando”. Ressaltou, também, que o edital buscará encurtar os prazos e reduzir significativamente os aspectos burocráticos, oferecendo maior agilidade na tramitação dos projetos, bem como nos repasses aos contemplados.

A secretária anexou à mensagem a minuta do edital e solicitou que as respostas sejam enviadas até sábado (28/3) às 16h. “Ressaltamos que o êxito desta ação dependerá de grande articulação e mobilização na divulgação, especialmente pelos setores compreendidos nestes colegiados, em suas redes sociais. Somente assim conseguiremos promover de fato a ampla participação, atendendo a demanda existente”, afirmou Beatriz.

A Sedac também aguarda considerações sobre o formulário de inscrição, desenvolvido em conjunto com a Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão, que deverá solicitar uma série de informações com o objetivo de levantar dados relevantes da área cultural.

Edição: Secom