Festa Nacional do Pinhão não vai acontecer em 2020.

Se já estava conturbada sua realização em virtude do desastroso processo de licitação somado as notáveis brigas políticas que se acirraram com a campanha política com a pandemia do Coronavírus é certo o cancelamento da Festa do Pinhão 2020.

Autoridades de saúde tem a previsão da piora dos quadros nos meses de abril e maio e inevitáveis serão as medidas de isolamento social que são a única ferramenta de retardamento do desastre que impactará o sistema de saúde e provocará uma comoção geral na sociedade.

Com a chegada do inverno aumentam os problemas de natureza respiratória na população e mesmo que fosse agendada a sua realização o público certamente estaria receoso em participar.

A empresa homologada para realização da festa não vai investir e apostar no incerto e deverá segundo até o próprio Prefeito de Lages Antonio Ceron declinar da realização. Prefeitura e empresa vão se reunir nos próximos dias para oficializar a decisão declarou Antonio Ceron para a Rádio Clube de Lages.

Está mantido o processo de inscrição e triagem da Sapecada da Canção Nativa que poderá compor uma programação no calçadão da cidade desde que autorizada pelas autoridades.

Pode ser que tenhamos um “RECANTÃO” com atividades culturais locais, Sapecada da Canção uma festa retornando as suas origens.

Já eventos de grande porte não há previsão de retorno em 2020.

Foto: Guma Miranda site PML